Política

Emenda impositiva da bancada maranhense deverá ser destinada para a saúde dos municípios. Publicada em 04/10/2017 11:19:56
A Bancada do Maranhão no Congresso Nacional se reuniu, nesta quarta-feira (04), na Câmara dos Deputados, com mais de 60 prefeitos maranhenses, que estavam em Brasília para uma agenda de trabalho promovida pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). “Foi um encontro muito proveitoso, com um número expressivo de gestores, e uma pauta bastante objetiva: conseguir o reforço de investimentos na área da saúde no estado do Maranhão, e assim ficou decidido”, anunciou o coordenador da bancada e deputado federal, Rubens Júnior (PCdoB).
Segundo o presidente da Famem, o prefeito Cleomar Tema, esta caravana, que é a maior já registrada na história do estado. “A questão da saúde é urgente para todos os municípios e por isso os prefeitos solicitam que haja destinação de emenda específica para este fim”, destacou.
Outro tema tratado na reunião foi a educação. Os prefeitos solicitaram apoio político no sentido de fazer com que o governo federal cumpra decisão do juiz José Carlos do Vale Madeira, da 5ª Vara Federal Cível, que determinou a implantação do Custo Aluno Qualidade Inicial (CAQi), dispositivo criado pelo Plano Nacional de Educação, como base de cálculo para repasse de recursos do Fundeb para as prefeituras maranhenses.
Em unanimidade, os parlamentares presentes reforçaram que a reunião foi um importante momento para debater os pleitos do movimento municipalista e atualizá-los sobre a atuação dos parlamentares. “Temos uma atuação bastante alinhada com os prefeitos, que já garantiu importantes vitórias para os municípios maranhenses, e isso não mudará”, afirmou o deputado federal Weverton Rocha.
O coordenador da bancada explicou que a intenção dos deputados maranhenses é colocar uma emenda parlamentar da bancada impositiva para ajudar a saúde do estado e dos municípios. “Ajuda ao Estado será através de ampliação do número de leitos de UTI e também da questão da hemodiálise”, afirmou.
“Quando tratamos dos municípios, vale ressaltar que alguns recebem pouquíssimos recursos, sendo impossível prestar um serviço de qualidade”, reforçou. Foi unânime na bancada, tanto na Câmera como no Senado, que a pauta é justa.
A reunião também contou com a presença do vice-governador Carlos Brandão, que deu a palavra que o Governo do Estado será parceiro nessa luta. “Dessa forma, prefeitos, deputados federais, senadores e governador, sem sombra de dúvidas, quem ganha é o Maranhão”, finalizou Rubens Júnior.
 

 

 

 

 

 

Da Assessoria

Mais em Política


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!